Container

Sinduscon - Pelotas

Endereço: Avenida Bento Gonçalves, 4825/A - Centro - Pelotas - RS - CEP 96.015-140

Telefone: (53) 2123-8090 -

Horário de Atendimento: Manhã 8:30 às 12:00 Tarde 13:30 às 18:00

Sindicato da Indústria da Construção e Mobiliário de Pelotas e Região

Para mais informações, clique na imagem!

Publicidade

Publicidade

Assine nossa mala direta e fique por dentro das principais novidades.

Patrocínio Master

Plataforma Portais Eletrônicos

Identifique-se

Painel de Controle

Mala Direta

Notícias

SAÚDE E SEGURANÇA DO TRABAHDAOR DA CONSTRUÇÃO SEGUEM COMO PRIORIDADES

Publicado 02 | Março

“Apesar da crise, o setor da construção conta com 2,6 milhões de trabalhadores. Não podemos deixar de cuidar do trabalhador, que é o nosso maior ativo, nosso maior patrimônio. A aplicação dos procedimentos em saúde e segurança são tão importantes quanto o projeto executivo de uma obra”, destacou o presidente da Comissão de Política de Relações Trabalhistas (CPRT) da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), Fernando Guedes, nesta quinta-feira (01/03), em Goiânia (GO). Guedes reforçou a importância do estímulo à cultura de prevenção de acidentes e doenças do trabalho, com a participação do setor produtivo, dos trabalhadores e do governo, e que “investimento em Saúde e Segurança no Trabalho não é custo”.

As afirmações foram feitas durante a apresentação da Campanha Nacional de Prevenção de Acidentes na Indústria da Construção (CANPAT Construção 2017/2018), que contou com mais de cem participantes, entre empresários, técnicos de segurança e auditores goianos. A iniciativa, pioneira no setor da construção, integra o Seminário Regional Edificar o Trabalho, realizado pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), por meio da sua CPRT, pelo Sindicato da Indústria da Construção no Estado de Goiás (Sinduscon-GO), pelo Ministério do Trabalho, por meio da Secretaria de Inspeção do Trabalho (SIT), pelo Serviço Social da Indústria – Departamento Nacional (Sesi-DN) e pelo Serviço Social da Construção (Seconci Brasil).

Na parte da manhã, o presidente da CPRT/CBIC apresentou os trabalhos e as ações desenvolvidas pela CBIC em Segurança e Saúde no Trabalho, que estão disponíveis no site da CBIC para download, como o Guia Contrate Certo, o Guia Orientativo de Segurança, o Guia Orientativo de Áreas de Vivência, o Guia Orientativo de Incentivo à Formalidade e o Guia para Gestão de Segurança nos Canteiros de Obras, todos correalizados em conjunto com o Sesi Nacional, além da ferramenta de simulação de custos de afastamentos e acidentes e a série de vídeos orientativos na prevenção de acidentes. Pelo incentivo à realização do evento em Goiânia, o presidente do Sinduscon-GO, Eduardo Bilemjian Filho, foi homenageado com a estatueta da CANPAT Construção 2017/2018.

Os representantes do Sesi, Renata Rézio, especialista da Unidade de Saúde e Segurança na Indústria do Sesi Nacional, e Bruno Araújo Godinho, gerente de Saúde e Segurança do Trabalho do Sesi-GO, apresentaram os projetos e as ações dedicadas ao setor, destacando a Cartilha do eSocial, com informações e dicas para as empresas se prepararem para o atendimento ao novo sistema; o Rede Sesi Viva Mais – sistema de gestão unificado da instituição, e os Centros de Referência em Segurança e Saúde no Trabalho, com parcerias internacionais, desenvolvidos para atender a todas as regiões do país. “Investir em saúde e segurança é um bom negócio, cumprir a legislação é o básico. Não há como falar em comportamento preventivo se não falar em educação”, comentou Bruno Godinho.

“Ações como esta são importantes para mostrar o que está sendo feito, em parceria, para evitar acidentes”, destacou o representante da Fieg, Paulo Vargas, superintendente do Sesi-GO, mencionando a importância da efetiva participação dos trabalhadores na iniciativa e reiterando o interesse da Federação na parceria.

“É importante que todos os atores envolvidos estejam presentes em eventos como esse para juntos construir uma indústria segura”, disse o superintendente regional do trabalho e emprego em Goiás, Degmar Jacinto Pereira, aproveitando para convidar o Sinduscon-GO para participar do “Abril Verde”, Campanha de Prevenção de Acidentes do Trabalho do município.

“Acidente e doença geram custos e perdas, estimados em 4% do PIB por ano”, destacou José Almeida Martins de Jesus Júnior, auditor fiscal do Trabalho, da Secretaria de Inspeção do Trabalho, reforçando a importância de eventos como esse para conscientizar o setor e separar o joio do trigo. “É preciso prever riscos e adotar medidas preventivas”, completou.

Mais uma vez, o evento cumpriu o papel de disseminar aos empresários e trabalhadores do setor da construção não apenas dados sobre condições que levam a acidentes e doenças do trabalho, suas consequências e a quantidade de ocorrências, mas também o de apresentar as boas práticas desenvolvidas pelo setor da construção em todo o país em prol do trabalhador. O terceiro dos cinco eventos regionais programados pela CPRT/CBIC até o final deste semestre também contou com a participação de Denise Carvalho Noleto Silva (Seconci Brasil), Isabela Lemos (Seconci-GO) e Petronilho Alves de Moura (Sindicato dos Trabalhadores da Construção Pesada).

O segundo painel do evento contou com a participação dos especialistas em Direito Trabalhista, Renato Vicente Romano Filho, e em Políticas e Indústria, da Gerência de Relações do Trabalho da CNI, Pablo Rolim Carneiro, que debateram questões relacionadas à Reforma Trabalhista, com foco em suas atualizações, e sobre a expectativa para implementação do eSocial. Ficou claro que um horizonte de novo adiamento de aplicação do eSocial é praticamente inexistente, por isso o alerta sobre a importância das empresas se prepararem com antecedência.

Fonte: CBIC

Compartilhe

Delicious Digg Google Bookmarks Mixx MySpace Reddit Sphinn StumbleUpon Technorati RSS

publicidade pequena 180x150

publicidade pequena 180x216 3

publicidade pequena 180x150 2